min para ler
17 de Maio, 2022

Tecnologia Saúde

CarelogiQ: solução digital leva agilidade e eficiência para unidades de saúde nos EUA

Solução digital

O CareX foi desenvolvido em uma parceria entre o CESAR e a startup americana CarelogiQ, e oferece um sistema de gestão e comunicação que permite que médicos e enfermeiros, dentro de unidades de saúde, possam trocar informações, por exemplo, sobre medicação, prescrições e estado de saúde dos pacientes. O MVP (mínimo produto viável) começou a ser desenvolvido em 2016 e depois de diversos ciclos de experimentação, a solução digital enfrentou diversos desafios para atender um sistema de saúde em plena pandemia.

A história do CESAR com a CarelogiQ começou quando o seu fundador, o Dr. Sanjeev Rastogi, procurou o centro de inovação para que, juntos, pudessem desenvolver uma solução que melhorasse a comunicação entre profissionais de saúde e seus pacientes.

"O CESAR já estava familiarizado com a nossa tecnologia em razão de uma colaboração feita com o Google. Depois de ser apresentado à equipe CESAR, fiquei impressionado com a sua receptividade durante o  processo de desenvolvimento e a facilidade de trabalhar com sua equipe. O CESAR tem mostrado diligência para atender entregas dentro de cronogramas específicos e sempre manteve um alto nível de integridade e profissionalismo em sua abordagem. As equipes se comunicaram muito bem e foram bem coordenadas pelo gerente do projeto. Foi um prazer interagir com todos os membros da equipe CESAR" - Dr. Sanjeev Rastogi.

Por se tratar de uma solução para o contexto norte-americano, o desenvolvimento da CareX teve que seguir especificidades da legislação dos Estados Unidos. Lá, para que qualquer solução na área da saúde que use dados de pacientes seja desenvolvida, é preciso se adequar à lei HIPAA (Health Insurance Portability and Accountability Act). Pensando nisso, o time do CESAR precisou se aprofundar na legislação para definir os requisitos relacionados à HIPAA, garantindo que a solução fosse aderente às normas legais.

Os desafios de um sistema de saúde em plena pandemia

solução digital
Como todo MVP, o CareX passou por diversas melhorias e ajustes. Mas, nada comparado ao desafio que foi a adaptação às necessidades de unidades de saúde durante a pandemia da Covid-19. Atender pacientes de forma remota se tornou a prioridade máxima da solução, então oferecer a melhor experiência e as melhores funcionalidades para que isso fosse possível passou a ser o grande direcionamento do time. 

Videochamadas e cobrança de serviços dentro da plataforma foram uma das melhorias implementadas por conta do novo cenário trazido pela pandemia. Além disso, por meio de tecnologias como internet das coisas (IoT - internet of things) e computação em nuvem (cloud computing), a solução passou a disponibilizar, de forma remota, dados sobre batimentos cardíacos e pressão arterial, tudo para garantir a disponibilidade das informações dos pacientes de qualquer local.

Outra necessidade identificada para gerar eficiência no ambiente hospitalar foi a disponibilização de uma base de dados que médicos e enfermeiros pudessem acompanhar e comparar os medicamentos e a dosagem recomendados aos pacientes, garantindo assim uma gestão completa dos receituários. Atualmente, a CareX também conta com algoritmos baseados em dados e ferramentas de colaboração para que as equipes de saúde se conectem com pacientes a qualquer hora e lugar. 

“O time do CESAR precisou rapidamente se adaptar a essa nova realidade, sendo capaz de avaliar mecanismos e soluções para integrar e desenvolver as funcionalidades que permitissem não apenas realizar as consultas de forma remota, mas também a submissão de dados de saúde dos pacientes que já estavam em atendimento quando a pandemia iniciou.” - Edson Lima, gerente de projetos do CESAR.

A diminuição do risco de infecção pelos pacientes idosos passou a ser outra prioridade do CareX no período pandêmico. A solução passou a oferecer o serviço de telemedicina, o que permitiu a essa comunidade ficar mais protegida, uma vez que o deslocamento para o hospital, um dos locais de maior risco de contágio na pandemia, passou a não se fazer necessário.

O desenvolvimento interativo e muito próximo ao usuário final permitiu que o CESAR e a CarelogiQ desenvolvessem uma solução que atendesse às necessidades reais de médicos e pacientes, e conseguissem se adaptar muito rapidamente a mudanças, como o cenário de pandemia que esse público passou a enfrentar. O resultado não poderia ser melhor: agilidade e segurança no atendimento e qualidade do serviço de saúde. 

Gostou desse case? 
Quer saber como o CESAR pode ajudar a sua empresa a desenvolver soluções robustas escaláveis? Fale com um de nossos consultores.

Comentar