Porto de Suape dá mais um passo no desenvolvimento de soluções inovadoras

Porto de Suape dá mais um passo no desenvolvimento de soluções inovadoras

Crédito de imagem: Divulgação Complexo de Suape

O Porto de Suape celebra mais uma parceria em benefício da inovação tecnológica de suas atividades que vai transformá-lo no mais moderno do país. Desta vez, a iniciativa acontece com o renomado Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife (CESAR), localizado no ambiente do Porto de Digital, e tem como objetivo auxiliar a estatal no desenvolvimento de soluções inovadoras para renovar e agilizar as operações, além de suprir as necessidades de comunicação com o setor portuário do Brasil e do mundo.

A iniciativa surge a partir dos desafios de sustentabilidade econômica, eficiência operacional e aumento da movimentação que apontam para uma contínua busca de maior competitividade nos cenários nacional e internacional. Nos portos de classe mundial são utilizadas plataformas que visam a integração de sistemas, comunicação entre anuentes e automação de processos, os chamados Port Comunity System – PCS (Sistema da Comunidade Portuária).

O desenvolvimento de uma plataforma integrada, além de promover maior interação entre os atores envolvidos na operação portuária como armadores, operadores, agentes marítimos, órgãos fiscalizadores, a autoridade portuária, fará com que Suape passe a figurar como um hub de geração e difusão de inovação e tecnologias emergentes, voltado para a eficiência na logística portuária. O trabalho foi iniciado há dois anos com o processo de transformação digital do atracadouro, com a estratégia de estreitar os laços entre o setor da logística portuária e o ecossistema de inovação do Porto Digital, do qual o CESAR faz parte.

“Suape já adota medidas rígidas de compliance e governança para garantir transparência da nossa operação e a parceria com o CESAR não apenas conecta todos os agentes das movimentações no porto, como também amplia e simplifica a comunicação com clientes e autoridades portuárias. Na prática, representa mais velocidade nos processos, mais ganhos de tempo nas rotas integradas a Suape e ainda mais transparência para fazer do nosso porto um lugar cada vez mais digital e seguro para se fazer negócios”, ressalta o secretário de Desenvolvimento Econômico, Geraldo Júlio.

O diretor-presidente da estatal portuária, Roberto Gusmão, lembra que Suape foi um dos quatro portos brasileiros escolhidos para integrar um grupo de trabalho para a construção do PCS nacional, tendo, inclusive, sido reconhecido pela Secretaria Nacional de Portos como um case de inovação para todo o Brasil. “Com a parceria com o CESAR, vamos elevar ainda mais a digitalização e a modernização de nossas atividades neste novo mundo físico e digital, ou figital. A meta é ter um porto em Pernambuco conectado, o quanto antes, com as plataformas globais das comunidades portuárias do país e de todos os continentes”, pontua Roberto Gusmão.

O CESAR já desenvolveu soluções para instituições como o Exército Brasileiro e a Petrobras e disponibilizará, ao longo de dois anos, uma equipe de profissionais com expertise no assunto e experiência de mercado para criar as ferramentas de integração que resultarão na digitalização de muitas das rotinas que envolvem a operação portuária.

“Desde a nossa fundação, em 1996, temos levado inovação ao mercado na forma de educação, projetos e aceleração de startups. É com muita satisfação que apoiaremos o Complexo de Suape na construção de soluções que proporcionem aumento de competitividade e atratividade, através da transformação digital, da realização de experimentos e do desenvolvimento tecnológico, simplificando processos e cortando burocracia”, comemora Fred Arruda, CEO do CESAR.

Sobre Suape –  Fundado há 42 anos no Litoral Sul de Pernambuco, entre os municípios de Ipojuca e Cabo de Santos Agostinho, o Complexo Industrial Portuário de Suape é considerado a âncora e a locomotiva do desenvolvimento do Estado, atraindo grandes empreendimentos em suas cadeias produtivas. Situado a apenas 40 quilômetros do Recife e instalado em uma área de 13,5 mil hectares, é um complexo que conta com 150 empresas instaladas e em implantação. Ainda contempla uma grande área de preservação ecológica, que representa 59% do território, reafirmando o compromisso da empresa com uma agenda verde e sustentável, aliando o desenvolvimento econômico com a proteção do meio ambiente. Em 2020, o porto movimentou o total de 25,6 milhões de toneladas de cargas, alcançando o recorde histórico e o quarto lugar no país no ranking da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq).

Sobre o CESAR –  O CESAR é um centro de inovação que há 25 anos forma pessoas e impulsiona organizações, potencializando suas estratégias digitais. Por meio de um time diverso e multidisciplinar de cerca de mil colaboradores, desenvolve soluções com qualidade e impacto para os negócios, articulando talentos e conhecimento nos ecossistemas onde está inserido. Atua ao longo de todo o ciclo de inovação, desenvolvendo soluções que apoiam organizações em qualquer nível de maturidade digital que se encontre.

A organização faz parte do Porto Digital – parque que agrega em Recife mais de 300 empresas dos segmentos de Tecnologia da Informação e Comunicação e Economia Criativa. O CESAR também possui regionais em Sorocaba, Curitiba e Manaus, atuação em São Paulo e Rio de Janeiro, e administra a CESAR School, escola de inovação criada com a finalidade de capacitar profissionais para as novas demandas de um mercado cada vez mais disruptivo. Além disso, o CESAR também atua na aceleração de novos negócios.

Gostou desse case?

Gostaria de entender como aplicá-lo à realidade da sua empresa? Fale com um de nossos consultores.
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-image: url(https://www.cesar.org.br/wp-content/uploads/2018/08/IMG_9090-1.jpg);background-size: initial;background-position: top center;background-attachment: initial;background-repeat: initial;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 650px;}