CESAR e BR Angels fecham parceria para otimizar análise da maturidade tecnológica de startups com potencial de investimento

CESAR e BR Angels fecham parceria para otimizar análise da maturidade tecnológica de startups com potencial de investimento

Metodologia de Due Diligence permitirá maior assertividade na seleção das empresas que receberão aporte pelo grupo

São Paulo, maio de 2021. O BR Angels, associação de investimento-anjo composta por executivos seniores de grandes companhias, acaba de fechar uma parceria com o CESAR, um dos maiores centros de inovação do país. Entre os objetivos se destacam a ampliação dos insumos para avaliação técnica das startups investidas, bem como o fomento à criação e troca de conteúdos entre as instituições. Fundado em 2019, o BR Angels conta com 150 associados que entregam capital financeiro e, sobretudo, capital intelectual para negócios promissores. Com três batches em andamento, a rede já promoveu aportes de mais de R$ 10 milhões em oito startups – Chiligum, MindMiners, Nvoip, Home Agent, VUXX, iRancho, Dialog e CustomerX.

Por meio do acordo, o CESAR emitirá relatórios analíticos sobre a maturidade tecnológica das startups pré-selecionadas pelo BR Angels para a fase de investimentos. O chamado Technical Due Diligence (TDD) será aplicado com base na metodologia desenvolvida pelo CESAR Labs, o programa de aceleração de empresas do CESAR. A unidade é especializada em desenvolver projetos e soluções para toda a cadeia de inovação, que vão desde a ideação, passando pela concepção e prototipação, até a entrega dos produtos para empresas dos mais diversos segmentos.

O TDD do CESAR Labs avalia aspectos ligados a seis temas que são: Arquitetura, Infraestrutura, Pessoas, Processos, Propriedade Intelectual e  Roadmap. Cada um destes eixos é avaliado por vários critérios de acordo com a aderência e no final é emitido um conceito numa escala na qual a nota 1 representa pouca aderência e 5 muita aderência.  O primeiro relatório já foi emitido em relação a uma fintech ligada ao setor de crédito. Além da pontuação, o documento trouxe recomendações para a startup, como por exemplo: definir estrutura em cloud com ambiente privado e público, ao invés de apenas públicos; e adotar solução de AutoScaling para garantir que a solução seja escalável e suporte o aumento de carga.

O diretor do CESAR Labs, Augusto Galvão, afirma que por meio da parceria com o BR Angels, a instituição acredita estar somando esforços com o intuito de fomentar o desenvolvimento de uma grande rede de startups, bem como apoiar os associados investidores. “Como parte da cultura do CESAR, desenvolvida ao longo dos 25 anos de nossa existência, buscamos sempre atuar em rede estabelecendo parcerias que possam contribuir para o desenvolvimento dos ecossistemas de inovação e tecnologia ao qual estamos inseridos. O profissionalismo e a seriedade do BR Angels estão super alinhados aos valores do CESAR e sem dúvida haverá uma imensa troca entre ambas as redes”, diz.

Já o fundador e CEO do BR Angels, Orlando Cintra ressalta a oportunidade de ampliar significativamente a assertividade dos investimentos feitos pelo grupo. “A parceria com o CESAR vai otimizar o nosso trabalho de forma significativa. Nós vamos ter mais dados de análise técnica sobre as startups para avaliar se estão aptas a receberem nossos investimentos e, assim, esperamos contribuir de forma assertiva para o ecossistema nacional de inovação”, afirma.

Sobre o BR Angels

Formado em 2019, o BR Angels Smart Network é uma associação nacional composta por mais de 150 empreendedores e CEOS de importantes empresas que, além de capital financeiro, entregam capital intelectual, valorizando sobretudo o conceito de smart money.

Com perfis variados em alta gestão, recursos humanos, finanças, vendas, marketing, tecnologia, entre outros, os integrantes do BR Angels são todos C-Level e estão conectados a grandes companhias que, juntas, somam mais de R$ 1 trilhão em valor de mercado.

O BR Angels surge não só para preencher a lacuna de atuação com smart money identificada entre os grupos de investimento anjo do Brasil, mas também para suprir a falta de associações compostas por CEOs, conselheiros e importantes empreendedores dentro do segmento de startups no país.

Inicialmente, o foco do BR Angels está em negócios que operam nos segmentos B2B, B2B2C e B2C, dentro dos quais o smart money possa ser amplamente empregado por meio de mentorias. Deste modo, o grupo espera auxiliar iniciativas sólidas de empreendedorismo para que possa contribuir de maneira efetiva com o desenvolvimento econômico do Brasil e da América Latina.

Mais Informações para a Imprensa

CESAR

Compliance (www.compliancecomunicacao.com.br)

Ademir Morata (ademir@compliancecomunicacao.com.br)

Tel.: (11) 2506-6509 | (11) 99176-6065

 

BR Angels

FirstCom Comunicação (www.firstcom.com.br)

Luis Claudio Allan (luisclaudio@firstcom.com.br)

Janaina Cavalheiri (janaina@firstcom.com.br)

Marcelo Volpato (marcelo.volpato@firstcom.com.br)

Luiza Domingues (luiza@firstcom.com.br)

Thamiris Pinheiro (thamiris@firstcom.com.br)

Tel.: (11) 3034-4662 | (21) 99202-4728

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-image: url(https://www.cesar.org.br/wp-content/uploads/2018/08/IMG_9090-1.jpg);background-size: initial;background-position: top center;background-attachment: initial;background-repeat: initial;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 650px;}