CONSULTORIA OU MENTORIA? COMO DESENVOLVEMOS OS EMPREENDIMENTOS DO CESAR.LABS ATRAVÉS DESSAS ABORDAGENS – PARTE 2

CONSULTORIA OU MENTORIA? COMO DESENVOLVEMOS OS EMPREENDIMENTOS DO CESAR.LABS ATRAVÉS DESSAS ABORDAGENS – PARTE 2

No post anterior falamos sobre o nosso time de consultores e como esse trabalho era desenvolvido junto as nossas aceleradas. Hoje vamos falar sobre os mentores. Apesar de termos um time de mais 500 profissionais dais mais diversas áreas, infelizmente não sabemos e nem conseguimos abraçar todas as áreas de conhecimento. Também ocorre que as demandas dos empreendimentos muitas vezes são muito específicas ou exigem um conhecimento que não temos. Resolvemos esse gap com a nossa rede de mentores voluntários composta por executivos, empreendedores e especialistas em determinadas áreas.

Diferente dos consultores, que são remunerados pelo CESAR, estes não recebem nenhum tipo de benefício financeiro e quando o recebem, deixam de ser mentores dos empreendimentos que possuem alguma vantagem. Temos mentores que são executivos do próprio CESAR, empreendedores que já passaram pelos nossos programas no passado e que hoje contribuem com os empreendedores iniciantes, executivos dos mais diversos segmentos como: logística, educação, TI e etc… Uma lista sempre incompleta você pode ver clicando AQUI.

Neste blog também abrimos espaço para que os mentores contribuam com dicas e sugestões escritas por eles.

Um outro tipo de mentor que já temos, e que queremos ter cada vez mais, é o mentor que também é co-investidor. Esse mentor, além de aportar recursos no empreendimento através do CESAR.LABS, também realiza mentorias para as empresas investidas. Percebemos que o nível de engajamento de mentor/mentorado é altíssimo quando esses casos ocorrem, o que gera benefícios mútuos. Chega ao ponto do mentor abrir portas para as startups, indicando-as para potencias clientes e até indo em conjunto para ajudar na prospecção. Em outro caso o mentor leva os empreendedores para sua empresa e coloca de frente com o responsável pelo seu departamento comercial, de modo que auxilie no desenvolvimento de canais de venda.

Em um futuro próximo, queremos que cada vez mais mentores se tornem nossos co-investidores ou que novos co-investidores se tornem mentores.

A mentoria também pode ser remota, mas procuramos fazer com que pelo menos a primeira mentoria seja presencial e acompanhada por alguém do CESAR.LABS. Dessa forma cria-se um empatia e melhora a interação de ambos ao longo do processo.

Por ser uma abordagem relativamente nova, quando convidamos um mentor para participar do nosso programa, encaminhamos o Manifesto do Mentor, é um conjunto de boas práticas elaborado por David Cohen, fundador da TechStars.

The Mentor Manifesto (Traduzido)
Por David Cohen

Não existe receita para um bom mentor e uma boa mentoria, porém, existem alguns pontos que podem ser seguidos para garantir uma relação proveitosa entre mentor e mentorado.
1. Seja Socrático. Questione.
2. Não espere nada em retorno (você vai se surpreender com o que você ganha de volta)
3. Seja autentico / Pratique o que você prega
4. Seja direto, diga a verdade. Doa a quem doer.
5. Também escute.
6. As melhores relações de mentoria, eventualmente, se tornam uma via de mão dupla.
7. Seja atencioso.
8. Adote pelo menos uma empresa por ano.
9. Experiência conta. Separe, de forma clara, opinião de fatos.
10. Guarde as informações confidenciais.
11. Claramente escolha mentorar ou não. Os dois não funciona.
12. Saiba quando você não sabe. Diga que não sabe quando você não sabe. “Eu não sei” é melhor do que enrolação.
13. Guie, não controle. Times tem que tomar suas próprias decisões. Guie, mas nunca os diga o que fazer. Entenda que a empresa é deles, não sua.
14. Aceite e comunique-se com outros mentores envolvidos
15. Seja Otimista.
16. Dê conselhos específicos e práticos, não seja vago.
17. Seja desafiador/duro mas nunca destrutivo.
18. Tenha empatia. Lembre que a jornada é árdua. Você já esteve lá.

Fonte: http://www.davidgcohen.com/2011/08/28/the-mentor-manifesto/

Por Eiran Simis, gerente de empreendedorismo do CESAR

Artigo publicado originalmente no Blog do CESAR.LABS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-image: url(https://www.cesar.org.br/wp-content/uploads/2018/08/IMG_9090-1.jpg);background-size: initial;background-position: top center;background-attachment: initial;background-repeat: initial;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 650px;}